Conecte-se conosco

Destaque

Câmara aprova projeto que presta homenagem ao ex-deputado Bonifácio de Andrada

Publicado

em

A Ala A do pavimento térreo do Anexo II da Câmara dos Deputados será designada com o nome do parlamentar, que exerceu na Casa 10 mandatos consecutivos

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira, 10,  o Projeto de Resolução 43/21, que denomina “Deputado Bonifácio de Andrada” a Ala “A” do pavimento térreo do Anexo II da Câmara dos Deputados. A denominação constará da afixação de placa com o nome e a foto do homenageado em ambas as entradas da ala. Após a aprovação, a proposta foi promulgada.

O autor do projeto é o deputado Fábio Ramalho e o relator, o ex-presidente da Câmara, deputado Arlindo Chinaglia. Uma das referências feitas por Fábio Ramalho na justificativa do Projeto faz referência ao fato do homenageado ter sido o político mais longevo do País, com quinze mandatos eletivos e 64 anos de vida pública.

Fábio Ramalho salienta que o projeto de sua autoria trata-se de uma deferência mais do que merecida, pois “Bonifácio de Andrada deixou para a história política do país 64 anos de vida pública, sendo 10 como deputado federal, 4 mandatos na Assembleia Legislativa de Minas Gerais – ALMG e um como vereador em sua terra natal, Barbacena. É um exemplo que deve ser seguido por todos que militam na política. E a Câmara sabe bem da sua importância e da contribuição que ele, Bonifácio, deu para o desenvolvimento desta Casa, da Constituição em vigor e do  país. Por isso mesmo presta a ele in memoria esta pequena e justa homenagem”, enfatizou.

A proposta recebeu parecer favorável do deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), que foi lido em Plenário pelo deputado Vicentinho (PT-SP). O relator destacou a experiência jurídica do ex-parlamentar e a relação familiar com a política. Bonifácio era descendente direto – da quinta geração – do patriarca da Independência José Bonifácio de Andrada e Silva.

“Culto, educado, gentil e aberto ao diálogo, fez de suas convicções, instrumento de defesa do que acreditava ser o melhor para o país, sempre respeitando a pluralidade política e convicto defensor do parlamento brasileiro”, disse Chinaglia.

Vários parlamentares também elogiaram a capacidade de diálogo de Bonifácio de Andrada. “Ele foi uma grande referência para todos nós. Era um conciliador”, disse o deputado Bilac Pinto (DEM-MG). A deputada Alice Portugal (PCdoB-BA) disse que ele trouxe à Câmara “uma visão de que a democracia é um elemento indispensável para a convivência dos diferentes”.

A deputada Maria Perpétua disse que a homenagem era pequena diante da grandeza do homenageado.” “Pela grandiosidade da importância do deputado Andrada para essa Casa e pelas relações de amizade e ensinamentos que ele nos deixou eu diria que precisaríamos de uma Câmara inteira para homenageá-lo, mas cabe a nós fazer esse reconhecimento”. Ela disse ainda que ele deve estar muito orgulhoso do filho que criou, Lafayette, que segue seus passos e seu dácontinuidade ao seu legado, enfatizou.

A sessão de votação do projeto foi conduzida pelo filho de Bonifácio, deputado Lafayette de Andrada (Republicanos-MG), que agradeceu a homenagem. “Estou imensamente gratificado com a iniciativa. Manifesto, em nome de todos os meus familiares, aos deputados Fábio Ramalho e Arlindo Chinaglia e aos demais parlamentares da Câmara nossa satisfação por essa lembrança, que muito nos honra e, sobretudo, presta homenagem póstuma ao meu saudoso pai, Andradinha, eternizando o seu nome em dependências tão significativas da Câmara, onde durante tantos anos foram percorridas e utilizadas por ele no desenvolvimento de suas atividades parlamentares. à Câmara, ele dedicou grande parte da sua vida e o fez com paixão, com dedicação e com competência, sempre defendendo o interesse público”, destacou.

Fonte: Assessoria Lafayette Andrada

Continue Lendo

Destaque

“União e Igualdade”: Aline Ferreira, primeira mulher presidente da OAB de Barbacena, fala sobre sua vitória

Publicado

em

Por

A força da mulher está presente na terceira subseção da OAB de Barbacena, isso porque na eleição realizada no último sábado, (27), foram eleitas pela chapa “União e Igualdade”, as advogadas: Aline Ferreira da Silva Machado, para presidente, e para vice, Camila Coimbra. Foram 316 votos para a chapa vencedora, contra 141 da chapa concorrente encabeçada pelo advogado Rodrigo Macedo. Aline, a primeira mulher a comandar a OAB de Barbacena é formada em direito pela Unipac e se destaca por sua capacidade profissional e profundo conhecimento jurídico. 

A nova presidente da OAB de Barbacena fala de sua alegria e compromisso com a classe: “Pra mim é uma honra muito grande ter sido eleita a primeira mulher advogada da terceira subseção da OAB Barbacena, porque essa vitória representa não só uma quebra de paradigmas dentro da OAB, mas da sociedade como um todo.”

Aline destacou que os advogados não estão sendo tão respeitados quanto deveriam e como consequência, uma de suas propostas é trabalhar pela valorização da classe, para que não apenas as instituições jurídicas, mas também a sociedade como um todo, compreenda a importância do papel do advogado. 

Sobre seus planos de diretoria, Aline conta: “Um dos principais planos da nossa diretoria, para o triênio que se inicia em 2022, é estreitar os laços com o poder judiciário e demais instituições como: INSS, Receita Federal, Estadual e do Município no que tange o recebimento de alvarás. E também zelar pelas prerrogativas dos advogados, que merecem exercer advocacia com autonomia e independência. Sem esquecer também das necessidades da jovem advocacia e dos advogados seniores”. 

Ela ainda afirma que: ”Como apoiadores da chapa, também eleita em Belo Horizonte, Renova OAB encabeçada pelo Doutor Sérgio Leonardo, fortalecermos os laços da nosso subseção com a seccional mineira e isso certamente trará benefícios para a advocacia Barbacenense, tais como repasse de verbas e o acesso aos cursos da ESA para toda a classe.”, conclui. 

Continue Lendo

+ Acessadas da Semana