Conecte-se conosco

Destaque

Comércio mineiro prevê melhor Dia das Crianças em sete anos

Publicado

em

Comemorado no próximo dia 12, o dia das crianças é de grande expectativa para o comércio varejista mineiro, segundo pesquisa. Realizada pelo Fecomércio-MG, o levantamento aponta que o faturamento esperado deve ser o maior desde 2015. 

Em comparação com 2020 a ideia é aumentar as vendas em 13% em relação aos R$667,3 milhões vendidos no ano passado e os R$758,5 esperados para este ano.

Quase 70% dos empresários ouvidos pela pesquisa acreditam na melhora das vendas. Isso porque relacionam o valor afetivo da data com o avanço da vacinação, surgindo a esperança de abrandar a pandemia.

Os investimentos em propaganda, liquidações e diversificação de mix de produtos serão as estratégias mais buscadas para atrair os clientes, mas, ainda assim, 85,8% dos comerciantes acreditam que os consumidores irão às compras apenas nos últimos dias antes da data.

Outra pesquisa aponta que 58,3% dos consumidores pretendem comprar presentes para o Dia das Crianças e que a média por presente deve ser R$92,95. 

O destaque são os brinquedos, com 72,8% de preferência, seguido por roupas, calçados e jogos como escolha pelos pais.

Outro dado levantado pela pesquisa é a forma de pagamento. A maioria dos entrevistados optará pelo pagamento por cartão de crédito à vista. 

Fonte: Hoje em dia

Continue Lendo

Destaque

Gasolina fica 7% mais cara e diesel sobe 9%, reajusta Petrobras

Publicado

em

Por

A Petrobras comunicou, nesta segunda-feira (25), que os preços da gasolina e do diesel sofrerão nova alta nas refinarias a partir desta terça-feira (26).

O preço médio da gasolina passará de R$ 2,98 para R$ 3,19 (reajuste médio de R$ 0,21, 7,04%). 

Já o diesel passará de R$ 3,06 para R$ 3,34 por litro, reajuste médio de R$ 0,28 por litro (9,15%).

ICMS sobre o diesel congelado em Minas 

O novo reajuste já estará inserido no congelamento do valor de referência do Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviço (ICMS) sobre o combustível em Minas, anunciado pelo governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo). 

Com isso, a cobrança do ICMS pelo litro do diesel — que é de 15%, conforme definido pelo Preço Médio Ponderado ao Consumidor Final (PMPF) — será mantida com os valores atuais. 

Ou seja, o consumidor mineiro será um pouco menos impactado com a nova alta.

Fonte: Itatiaia

 

Continue Lendo






+ Acessadas da Semana