Conecte-se conosco

Destaque

Governador Zema visita Barbacena e se reúne com autoridades para tratar assuntos relacionados à saúde nessa sexta (22)

Publicado

em

O governador Romeu Zema visita, nesta sexta-feira (22), a cidade de Barbacena. O chefe do Executivo do Estado se reunirá com o prefeito Carlos Dú, o deputado estadual Doorgal Andrada e demais autoridades para formalizar uma série de ações na área da saúde.

O deputado Doorgal Andrada disse que esta é a segunda vez que ele tem a honra de acompanhar o Governador em visita à Barbacena. “Na primeira ocasião em 2020, Zema fez questão, inclusive de visitar o meu avô, o ex-deputado Bonifácio Andrada, em sua residência. Agora ele retorna a cidade para anunciar providências importantes em benefício da população. Fica aqui o nosso agradecimento”, destacou.

Na agenda, estão previstas a assinatura de convênio para instalação do Centro de Especialidades Médicas, a cessão de espaço da Fhemig para a prefeitura, ampliação dos serviços do SAMU e aumento de recursos do Programa Valora Minas, que tem por finalidade qualificar a assistência e acesso à saúde. Também, será realizada a entrega de kits para a Defesa Civil.

Zema também fará uma visita à cidade de Barroso com a sua comitiva, onde serão entregues títulos de Regularização Fundiária Urbana.

Continue Lendo

Destaque

Operação Angry Bird prende oito pessoas e apreende mais 100 pássaros na Zona da Mata

Publicado

em

Por

Oito pessoas foram presas e mais de 100 pássaros silvestres apreendidos durante a Operação “Angry Bird” realizada nesta sexta-feira (20) pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e outros órgãos de segurança na Zona da Mata mineira e no estado do Rio de Janeiro. O objetivo da ação foi combater o tráfico interestadual de animais silvestres e lavagem de dinheiro.

Ao todo, foram expedidos pela 3ª Vara Criminal da Comarca de Barbacena, 13 mandados de prisão e busca e apreensão em Juiz de Fora, Lima Duarte, Bias Fortes e Duque de Caxias (RJ). Deste total, 8 foram cumpridos.

Segundo o promotor de Meio Ambiente, Alex Fernandes, os envolvidos formaram uma organização criminosa destinada exclusivamente ao tráfico de animais silvestres, sendo a única fonte de renda deles.

Os pássaros eram caçados em Juiz de Fora, Ibitipoca, Lima Duarte, Bias Fortes.
Além do tráfico e lavagem de dinheiro, os investigados também são acusados de maus-tratos de animais e comércio irregular de arma de fogo.

Continue Lendo

+ Acessadas da Semana