Conecte-se conosco

Destaque

Receitas caseiras de inalação para melhorar o nariz entupido

Publicado

em

A chegada de uma intensa onda de frio no país deixou todo mundo um pouco abatido. Essa queda brusca de temperatura aumenta os quadros de gripes e resfriados e o nariz entupido é um problema que atrapalha muita gente. 

Mas não são as secreções dessas doenças que deixam seu nariz entupido, os vasos sanguíneos presentes nas membranas que forram a parte interna das narinas fica inflamado e dificulta a respiração, algumas inalações caseiras podem ajudar. 

O método é fácil e barato, basta ferver água com ervas medicinais, sem coar, despejar em uma vasilha e inalar o vapor, com distância aproximada de 20 cm. Para potencializar o benefício, coloque uma toalha sobre a cabeça. 

A nutricionista da Associação Brasileira de Fitoterapia, Aurea Astulla, lista algumas receitas:

INALAÇÃO COM CHÁ DE GUACO:

Ingredientes:

1 litro de água

1 colher (sopa) de folhas frescas de guaco

Modo de preparo:

Ferva 1 litro de água com 1 colher (sopa) de folhas frescas de guaco e despeje em uma bacia, com cuidado para não se queimar. Inale o vapor do chá por 15 minutos. Repita o procedimento todas as noites até que note uma significativa melhora.

INALAÇÃO COM CHÁ DE GENGIBRE E LIMÃO:

Ingredientes:

1/2 litro de água

1 colher (sopa) de gengibre fresco

1 limão

Modo de preparo:

Em uma panela, ferva 1/2 litro de água com 1 colher (chá) de gengibre fresco picado e 1 limão cortado. Despeje em uma bacia com cuidado para não se queimar. Cubra a cabeça com uma toalha e inale o vapor do chá por 15 minutos.

INALAÇÃO COM CHÁ DE CAMOMILA:

Ingredientes:

1/2 litro de água

1 colher (sopa) de camomila

Modo de preparo:

Ferva 1/2 litro de água com 1 colher (sopa) de camomila e despeje em uma bacia, com cuidado para não se queimar. Inale o vapor do chá por 15 minutos. Repita o procedimento todas as manhãs e noites até que note uma significativa melhora.

Continue Lendo

Concurso Público

Concurso TJMG: edital abre 284 vagas de nível médio e superior

Publicado

em

Por

O Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJ – MG) anuncia a realização de um novo Concurso Público, tendo como objetivo o preenchimento de 284 vagas para profissionais de níveis médio, técnico e superior.

As oportunidades são para os cargos de Analista Judiciário – Assistente Social (106); Oficial Judiciário – Oficial de Justiça (59); Analista Judiciário – Psicólogo (23); Oficial Judiciário – Assistente Técnico de Controle Financeiro (2); Analista Judiciário – Administrador (1); Analista Judiciário – Analista de Tecnologia da Informação (8); Analista Judiciário (69); Analista Judiciário – Bibliotecário (2); Analista Judiciário – Contador (1); Analista Judiciário – Enfermeiro (1); Analista Judiciário – Engenheiro Civil (1); Analista Judiciário – Engenheiro Eletricista (3); Analista Judiciário – Engenheiro Mecânico (3); Analista Judiciário – Médico (4) e Analista Judiciário – Revisor Judiciário (1).

Para concorrer a uma das chances é necessário que o candidato possua a escolaridade, qualificação e experiência exigidas para o cargo em que deseja atuar, tenha idade mínima de 18 anos, dentre outros requisitos que constam no edital.

Ao ser admitido, o profissional contará com remunerações de R$ 3.264,98 a R$ 5.113,09.

Inscrição e seleção

Os interessados poderão se inscrever a partir das 10h do dia 30 de agosto de 2022 até às 23h59 do dia 29 de setembro de 2022 (horário de Brasília/DF), pelo site do IBFC, com taxas de R$ 90,00 a R$ 100,00. Vale pontuar que a solicitação de isenção do valor poderá ser feita do dia 30 de agosto de 2022 até às 23h59 do dia 5 de setembro de 2022.

A classificação dos candidatos será feita por meio de prova dissertativa e objetiva, prevista para ser aplicada no dia 4 de dezembro de 2022, tendo como conteúdo programático questões de língua portuguesa, noções de direito; noções de informática, conhecimentos específicos e raciocínio lógico.

Fonte: PCI Concursos

Continue Lendo

+ Acessadas da Semana